You are here
Home > Notícias > Futebol > Nacional cede empate ao XV, mas continua no G4

Nacional cede empate ao XV, mas continua no G4

O Nacional empatou por 2 a 2 com o XV de Piracicaba, na tarde deste sábado (17/03), no Nicolau Alayon, pela 13ª rodada da Série A2 do Campeonato Paulista. Os gols dos mandantes foram marcados por Bruno Nunes e Bruno Xavier, enquanto a equipe do interior balançou as redes com André Cunha, de pênalti, e Vinicius Simon.

Com o resultado, o Naça, que ficou duas vezes à frente do placar, chegou aos 22 pontos e permanece no G4 a duas rodadas do fim da primeira fase do torneio.

O Jogo

A primeira oportunidade do jogo foi do Nacional, aos 7 minutos. O meia Emerson Mi roubou a bola da zaga do XV, após uma saída ruim, finalizou duas vezes, porém não acertou a meta rival.

Seis minutos depois, Bruno Xavier também teve uma chance. A conclusão, no entanto, foi amortecida pela defesa dos visitantes, o que facilitou o trabalho do goleiro Samuel.

Aos 21, o time de Piracicaba chegou pela primeira vez. Depois de uma cobrança de escanteio e um leve desvio na pequena área do Naça, Maurício fez a defesa.

Na sequência, o Nacional respondeu com uma bola na trave de Thiago Santos. O lance continuou, até que Bruno Nunes, na entrada da área, chutou no canto de Samuel: Naça 1 a 0, aos 23 minutos.

O mesmo Bruno Nunes, três minutos depois, cabeceou livre na área. A finalização, porém, saiu sem força e o goleiro do XV pegou sem dificuldades. Após estes dois lances, Nunes se lesionou e foi substituído por Luís Henrique.

O XV, aos 29, quase marcou com Evandro, de cabeça. No minuto seguinte, o árbitro deu pênalti de Caio Mendes no próprio Evandro. André Cunha cobrou e empatou a partida, aos 32 minutos: 1 a 1.

Depois do empate, o Nacional tentou o segundo gol com Everton Claiton, mas o volante chutou para fora. Só que aos 41 minutos, a defesa do XV não cortou de Caio Mendes e Bruno Xavier, livre, bateu cruzado para recolocar os mandantes na frente: 2 a 1.  Este foi o nono gol dele na competição.

Na volta do intervalo, as duas equipes encontraram dificuldades para chegar ao ataque. O técnico Tuca Guimarães teve que mexer mais uma vez por contusão. Desta vez, Samuel Balbino entrou no lugar de Caio Mendes.

Aos 12 minutos, o XV empatou novamente. Depois de uma cobrança de falta lateral, o zagueiro Vinicius Simon desviou de cabeça e deixou tudo igual na Barra Funda: 2 a 2.

Luís Henrique, aos 18, desperdiçou a oportunidade de marcar o terceiro do Naça. Thiaguinho cruzou da direita, mas o atacante não conseguiu cabecear com força e direção. Na única alteração que fez por opção, Tuca colocou Naldinho no lugar de Rodrigo Souza.

Aos 30, o XV desceu pela esquerda com Jobinho, que cruzou rasteiro. Samuel Balbino afastou o perigo na pequena área. Três minutos depois, o volante Everton Claiton cabeceou na pequena área e Samuel defendeu de maneira espetacular para evitar o terceiro gol do Nacional.

O mesmo Everton Claiton, aos 39, perdeu outra grande oportunidade, ao subir livre na área e cabecear por cima da meta dos visitantes. O XV respondeu com mais cabeçada de Vinicius Simon. O lance, no entanto, foi paralisado por falta no goleiro Maurício.

O Naça ainda pressionou em busca da vitória, mas o resultado não foi mais alterado na Barra Funda.

Agenda

O Nacional volta a jogar no Nicolau Alayon, quarta-feira (21/03), às 15h00, contra o Água Santa.

Escalação

Nacional: Mauricio; Thiaguinho, Jeferson, Everton Dias e Caio Mendes (Samuel Balbino); Everton Claiton, Rodrigo Souza (Naldinho), Thiago Santos e Emerson Mi; Bruno Xavier e Bruno Nunes (Luís Henrique). Técnico: Tica Guimarães.

XV de Piracicaba: Samuel; Oziel, Vinicius Simon, Doni e Rubens Carvalho (Pedrinho); Gilson, Fraga, André Cunha e Norton (Maikon Aquino); Bruninho (Jobinho) e Everton. Técnico: Evaristo Piza.

Texto: Vinícius Bacelar

Fotos: Ale Vianna/ Divulgação Nacional A.C

Deixe uma resposta

Top